.

.

.

Prefeito Alair se reúne com Coronel da PM e comerciantes em seu gabinete

    Na última segunda feira 02/12 o prefeito Alair recebeu em seu gabinete o Coronel da 13º CRPM José Luiz Biano e alguns comerciantes do município, para discutirem a situação da segurança. Após as apresentações pessoais, a palavra foi dada aos comerciantes que relataram suas reivindicações, onde a maioria delas foram; falta de mais policiamento; mais viaturas; uma atenção maior por parte da PM; blitz fora de hora;  trabalhos de prevenção e conscientização na sociedade.

   “O nosso maior medo é de assalto a mão armada, vários aqui já foram assaltados, precisamos de mais segurança nos comércios e em toda cidade, Cocalzinho já não e mais o mesmo”, ressalta um comerciante.

    Em resposta, o Coronel afirma que a PM está realizando seu trabalho na medida do possível e que neste fim de ano todo o município terá o policiamento reforçado principalmente nos comércios. Outra medida que ajudará na segurança vai ser a solicitação dos soldados dispensados do exército que estão sendo aproveitadas pelo Governo de Goiás, através do programa Serviço de Interesse Militar Voluntário Estadual (SIMVE). Os recrutas serão usados prioritariamente em policiamento comunitário e segurança de eventos, mas a corporação não descarta trabalho em outras funções nem o uso de armas de fogo. O coronel solicitou ao prefeito Alair que ele realize o cadastro junto ao governo informando a necessidade desses voluntários, e o mesmo se dispôs a fazer o cadastro com extrema urgência. Uma outra forma de inibir o crime, segundo o prefeito é a criação de um posto da PRF no Trevo de Cocalzinho para fiscalizar as rodovias 414 e 070 e a iluminação das margens das BRs que cortam a Sede e os Distritos, projetos estes que já foram solicitados.

   O Coronel que a todo o momento ouviu as reivindicações dos comerciantes, se mostrou empenhado em tentar resolver algumas questões, ressaltou “eu vou cobrar mais dos militares, mas temos que contar com a ajuda da comunidade na fiscalização, com relação a prevenção, os pais tem que participar cada vez da vida de seus filhos sempre observando suas atitudes e amigos, estarei sempre presente para ajudar, nossa obrigação com militar é servir e servir bem a sociedade”.

    Quando questionado sobre a viatura de Edilândia, o coronel relatou que a mesma fica ausente devido está prestando apoio a Cocalzinho, mas ele fará o possível para que ela fique permanente no Distrito.