.

.

.

SEMMA realiza semana de conscientização do Meio Ambientes nas unidades escolares municipais

       Aconteceu nos dias 30 e 31 de Maio e 06 a 10 de Junho a Semana Municipal do Meio Ambiente nas unidades escolares municipais, em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, 05 de Junho.

       A programação do ano foi uma realização da Prefeitura Municipal por intermédio da SEMMA (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) com o apoio da SEMEC (Secretaria Municipal de Educação e Cultura) e toda comunidade escolar em uma parceria com a Cia de Teatro Boca do Lixo.

       O momento de conscientização e ludicidade ocorreu nos pátios escolares, às 10h e 15h30, com a representação da peça teatral “Viva o Berço das Águas de Cocalzinho”.

       De acordo com o Secretário Municipal José Alves Dantas “Galego”: “A importância do momento de conscientização na Semana Municipal do Meio Ambiente nas escolas é visando a educação ambiental desde a juventude para que tenhamos uma futura geração com maior consciência da importância em proteger o Meio Ambiente”.

       “Conscientizar nossas crianças sobre a preservação do Meio Ambiente é cuidar do futuro do País”, fala do Prefeito Municipal Alessandro Barcelos sobre a importância das ações de proteção dos recursos naturais que possuímos, principalmente em nosso berço das águas que existe no bioma do Cerrado.

       O Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado desde 1972, e foi estabelecido durante uma conferência da ONU (Organização das Nações Unidas) sobre o Meio Ambiente em Estolcomo, capital da Suécia.

       A importância de celebrar este dia, durante a Semana Municipal de Meio Ambiente, é com o intuito de conscientizar a população sobre os problemas ambientais e a necessidade de preservação dos recursos naturais, como por exemplo, os berços de água.

       Os berços das águas são “abrigos” de nascentes de águas, provenientes em sua maioria no bioma do Cerrado, que formam os aquíferos, comumente conhecidas “caixas d’agua do Brasil”. Esses aquíferos são formados por árvores onde suas raízes são maiores que suas copas, para que absorvam as águas das chuvas depositando-as em reservas subterrâneas, quando esses aquíferos enchem eles abastecem as nascentes que seguem seus fluxos aquáticos aos rios, lagoas e afins.

       A CIA de teatro Boca do Lixo exerce este trabalho lúdico de conscientização ambiental desde 2006 envolvendo circo, teatro e música, conhecido anteriormente como Coletivo Jovem de Meio Ambiente, onde jovens realizavam várias iniciativas em prol da preservação ao Meio Ambiente. A Cia é composta pelos: Zeck Mutamba (Palhaço Mutamba), Amanda Ricolde (Palhaça Seriema) e Lemoel (Palhaço Lemon).

Programação da apresentação teatral:

30/05 – E.M. Santa Felicidade

31/05 – E.M. Nossa Senhora de Fátima

06/06 – CEMEI Osvaldo Felício

07/06 – E.M. Alto da Boa Vista

08/06 – E.M. Maria do Carmo Guirra

09/06 – E.M. Modelo

10/06 – CEMEI Paulo Freire

 

Fonte/Texto: Karla Queiroz – Assessoria de Comunicação